A PokerStars deixa os mercados da China, Taiwan e Macau

PokerStars 2020

Os jogos de azar online na Ásia estão crescendo rapidamente, apesar das proibições e restrições do governo. Não é surpreendente, dado que existe uma rica diversidade de produtos de jogos de azar no continente.

Mesmo assim, a PokerStars, que é uma das melhores salas de pôquer do mundo, decidiu sair dos mercados de Taiwan, China e Macau. O mais interessante é que não houve anúncio oficial dessa decisão.

Outro dia, um profissional de pôquer do Reino Unido e um dos melhores jogadores de MTT online, Patrick Leonard, notou que os jogadores chineses haviam «desaparecido» do lobby da Stars, no qual ele relatou em sua página no Twitter. Patrick explicou que não encontrou uma única conta chinesa ao verificar os lobbies. Por exemplo, não havia jogadores da China no torneio de $1 000 PKO, então Leonard presumiu que eles já haviam sido expulsos. O jogador considera isso uma grande notícia, já que os jogadores chineses geralmente são muito ativos em limites altos.

Leia também: A PokerStars lançou a campanha de mídia "I’M IN"

A situação foi esclarecida pela postagem que apareceu em um dos fóruns de pôquer de língua inglesa, onde um jogador de pôquer da China postou o conteúdo do e-mail recebido da equipe PokerStars.

Em poucas palavras, os representantes da Stars informou que eles saíram da China, Macau e Taiwan. Sabe-se também que a sala proporcionava aos jogadores, destas regiões em questão, uma opção de retirada rápida.

Muito provavelmente o fato de os governos da maioria dos países asiáticos (especialmente a China) estarem lutando ativamente contra o jogo online no nível legislativo forçou a PokerStars a tomar tal decisão.

Além disso, os representantes da PokerStars afirmaram em ocasiões anteriores que iriam deixar os mercados «paralelos» para se concentrarem em entrar no mercado americano.

Avaliar o material:
- material excelente
- material ótimo
- material bom
- material ruim
- material horrível